6 Motivos para o Game Mobile dominar o mundo

6 Motivos para o Game Mobile dominar o mundo

O que é VFX
O que é VFX
09/26/2016
O mercado de Games
O Mercado de Games
09/29/2016
Exibir Tudo

6 Motivos para o Game Mobile dominar o mundo

6-motivos-para-o-game-mobile-dominar-o-mundo

Os jogos mobile irão dominar o mundo.

Candy-Crush-Saga-on-Facebook

Os jogos mobile vêm apresentando elevado nível de crescimento  nos últimos anos. O potencial que essa plataforma possui é tão evidente que a Blizzard Activision anunciou o futuro investimento de 5,9 BILHÕES de dólares para comprar a King Digital, empresa responsável pela Candy Crush Saga.

6 Bilhões é muito dinheiro, mas não é de se surpreender que a King Digital fora comprada por tanto. Afinal, Candy Crush é um dos nomes mais conhecidos ao tratar-se de jogos em geral, não só esse, mas os jogos mobile em geral já estão em todo lugar, e isso nos leva a uma duvida: Por que? Por que, cada vez mais, gamers deixam aventuras épicas como Fallout, Dark Souls e Skyrim entre outros games, criarem poeira na prateleira para esmagar doces, colidindo clãs e atirando pássaros zangados contra porcos?

Há 6 motivos para os games para mobile terem alcançado esse nível elevado em tão pouco tempo:

mobilegaming-virizine

1) O PODER DA CASUALIDADE

Para ter um game mobile você precisa de um celular, smartphone ou tablete com espaço suficiente para o jogo em questão e, dependendo do jogo, precisa também de uma banda móvel no celular… E só.

Você não precisa de muito tempo pra jogar, muitos jogos sempre pausam no momento que você quer. Não precisa nem saber jogar, os jogos mobile tendem a ser bem simples e fáceis de aprender. E, tratando-se de um mercado inteiro, sempre há um jogo que atinge sua preferencia. Games abrangem uma infinidade de personalidades, se você não gosta de jogos cartunizados, há games de temática mais séria ou estratégica, caso queira se descontrair, há jogos com bom humor, de todos os gêneros, para todas as idades e muitos são gratuitos e disponíveis em múltiplos idiomas, o que facilita o quanto as pessoas podem se interessar e compartilhar e recomendar para amigos e colegas.

MegaPocket

2) CABE NO BOLSO

Não estamos falando apenas do fator portátil que os celulares possuem, mas sim também em relação ao preço dos jogos. Os jogos mobile custam bem menos que um jogo de PS4 ou XBOX ONE, por exemplo.

Uma decepção e com um game mobile será um prejuízo de cerca de R$ 4,00 (1 dólar), já em plataforma ou PCs, serão pelo menos R$ 100,00 gastos em um jogo que você não gostou. Sem contar os inúmeros jogos gratuitos monetizados por propaganda. Essa relação custo benefício impulsiona a venda por impulso. Desenvolvedores ganham na quantidade de usuários pagando pequenos valores.

Braid-screen

3) OPORTUNIDADE INDIE

Criar um jogo de sucesso não é fácil, mas os games mobile tem uma limitação muito vantajosa, espaço. Tratando-se de espaço, o celular é uma capsula minuscula comparada a imensidão dos jogos de console de ultima geração, mesmo as maiores empresas do mundo não conseguem fazer um jogo tão gigante e de gráficos tão realistas… E isso é bom! Não para essas empresas de grande porte, mas para os criadores de jogos indies, empreendedores e equipes pequenas que querem entrar no mercado de jogos. Afinal, das seguintes alternativas, qual soa mais plausível?

1 – Entrar no mercado dos jogos de console, investindo toneladas de dinheiro, enquanto compete diretamente com empresas multibilionárias, cada uma delas com equipes de centenas, se não, milhares de membros, bem treinados que criam os melhores jogos AAA de ultima geração como Call of Duty, Star Wars Battlefront e Assassin’s Creed?

2 – Ou… Entrar no mercado de jogos mobile, investindo alguns milhares de reais(ou até menos) para um game que irá competir diretamente com Temple RunNinja Fruits, Plants VS Zombies e Tetris?

A plataforma mobile é um ponto de entrada ideal para qualquer desenvolvedor indie que quer começar sua carreira no mercado de jogos. Não só seu game poderá ter sucesso mesmo competindo com empresas de grande porte, mas também é um investimento com bem menos risco do que o mundo dos consoles e mesmo que não seja tão lucrativo, o potencial para lucro é inegável.

controle-de-dopamina

4) CONTROLE DE DOPAMINA

Chegamos na parte cientifica do artigo, e falaremos da Dopamina, também conhecida como o “hormônio da felicidade”, é o neurotransmissor responsável pela sensação de conquista e satisfação ao completar algo no jogo, seja derrotar um chefão, conseguir um item raro, finalmente passar daquele nível difícil… Essa sensação de vitória é causada pela Dopamina.

Porém, se a dopamina causa essa sensação de satisfação, então por que às vezes ficamos enjoados dos nossos jogos favoritos? Porque o cérebro, depois de receber muita dopamina, regula o quanto você pode receber, dessensibilizando seus receptores, fazendo com que fique mais difícil e mais demorado para sentir o mesmo nível de “felicidade”.

Se você ficar muito exposto à vitória, eventualmente você perde o gosto, às vezes um jogo difícil pode ser bem mais atraente que um fácil, os fãs de Dark Souls e BloodBorne sabem do que estou falando. E mesmo sem serem jogos “hardcore”, muitos dos games mobile são desenvolvidos com ferramentas para impedir que você fique insensível à dopamina, tal como: Recursos limitados, tempo de espera para jogar, PVP, bônus diários, entre outros detalhes. O canal do YouTube Game Theory aborda esse assunto em detalhe.

banknote-currency-money

5) LUCRO

Há jogos mobile pagos, e há gratuitos, mas as vezes os games gratuitos conseguem gerar ainda mais lucro para a empresa desenvolvedora do que um pago. No item anterior, vimos como que os jogos mobiles são desenvolvidos com freios para os jogadores, com o intuito de controlar a dopamina que se adquire ao jogar, mas às vezes a vontade do jogador de continuar é tanta, que não é incomum pagar para poder jogar mais, recursos mais rápidos, maior tempo de jogo permitido, itens Premium para dar vantagem contra outros jogadores, entre outros benefícios que podem ser adquiridos ao pagar para um jogo “gratuito”.

Vendo que uma empresa é lucrativa em um setor, mais mentes empreendedoras vão querer se juntar a iniciativa. Mais empresas, mais games. Mais games, mais variedade. Mais variedade, menos chance de você enjoar de um jogo. Jogando mais sem enjoar, maior as chances de você querer pagar pelos benefícios.

Android

6) TECNOLOGIA

A tecnologia mobile se diferenciam por… Bem… Ser móvel. Portátil. A possibilidade de ter informação, serviços e entretenimento digital em qualquer lugar a qualquer momento. E por isso não é mais necessário esperar até chegar em sua casa, para continuar jogando. Nada melhor do que amenizar uma espera para ser atendido por um médico, podendo estar munido de smartphone 4G, se divertindo em batalhas épicas no Clash of Clans ou resolvendo puzzles no Cut the Rope, por exemplo. Adeus as fila chatas! E isso, mudou o mercado de desenvolvimento de jogos.

Celulares e tablets estão em um estágio bem maduro e as engines de desenvolvimento de jogos para eles também. E sabemos que a cada dia, a venda desses gadgests se distancia mais e mais dos números de vendas de PCs e Notebooks. Focar em mobile é necesário para quem quer ser um desenvolvedor de games.

Start seu Futuro!

Vá até a escola SAGA mais próxima e matricule-se no Curso PLAYGAME